Pinus autoclavado na construção civil

Pinus autoclavado: confira suas vantagens na construção

13 de junho de 2020 Off Por admin

A madeira é um dos materiais mais comuns utilizado em construções. Entre os diversos tipos de madeira que podem ser encontradas no mercado, o Pinus Autoclavado é um dos mais versáteis.

Esse tipo de material é produzido com madeira de reflorestamento, que depois de seco, passa por um processo de autoclavagem. O resultado é uma madeira leve e resistente.

Pinus Autoclavado

O pinus autoclavado, ou simplesmente pinus tratado, não é uma madeira extraída da natureza. Ela é retirada de plantações, sendo que existem mais de 1,5 milhões de hectares destinados ao reflorestamento com pinus.

Por isso, o pinus autoclavado é considerado uma madeira sustentável, já que a sua produção não agride ao meio ambiente. Além disso, é uma madeira barata, a sua utilização gera uma economia de 40% quando comparada a outros tipos de madeira.

Produção do Pinus Autoclavado

O pinus é uma madeira porosa, por isso ela é ideal para passar pelo processo de autoclavagem. Durante esse processo, as peças de pinus são expostas a condições de vácuo e altas pressões.

Antes de passar pelo autoclave, a madeira precisa de um processo de secagem natural. Durante esse período, as peças alcançam os níveis de umidade necessários para passar pela autoclavagem, geralmente a secagem dura cerca de três meses.

Depois de seca, a madeira de pinus é colocada no autoclave. Primeiro, ela é submetida ao vácuo dentro do equipamento. Com isso, o ar no interior das madeiras é retirado.

Em seguida, as soluções de tratamento são inseridas e o aumento da pressão interna garante que o produto seja inteiramente absorvido pela madeira.

No final do processo temos um material imune ao ataque de fungos, carunchos, cupins e outros agentes biológicos. Também é resistente ao contato com água e com o solo.

O tratamento não altera as características básicas da madeira. Ela continua podendo receber tinta, cola ou qualquer revestimento. A capacidade de conduzir calor e energia também não é alterada.

Vantagens do pinus autoclavado

• Durabilidade

O tratamento pelo qual a madeira de pinus é exposta garante a ela resistência contra o ataque de insetos e contra as mudanças climáticas. Sendo assim, ela é um material que mantém suas características por anos.

É comum encontrar no mercado madeira de pinus tratada com 15 anos de garantia.

• Versatilidade

Suas características de resistência e leveza permitem que o pinus autoclavado possa ser utilizado de várias maneiras.

Em construções pode ser utilizado em decks, telhados, paredes, assoalhos etc., já que são ótimos isolantes térmicos e acústico. Também são bastante utilizados em paisagismo e em decorações, na construção de móveis, como mesas e bancos.

Além disso, são muito utilizadas no meio rural para a construção de currais, galpões para armazenamento e cercas divisórias.

• Finalização

Esse tipo de material permite um acabamento mais elaborado do que outros tipos de madeira – por isso a sua utilização em decorações e na fabricação de mobílias.

O pinus autoclavado pode ser pintado, já que a madeira não absorve a tinta aplicada. Dessa forma, o consumidor pode escolher entre um visual mais natural e rústico ou colorido.

No nosso blog você encontra muito mais informações sobre madeiras. Confira as demais publicações.